Pages

Subscribe:

RÁDIO WEB EM DOSE DUPLA

RÁDIO WEB EM DOSE DUPLA
Tocando o Sucesso de Sempre

JOLUSI AM (Rádio Web)

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

MUSIBOL em novo endereço eletrônico

Nota da Redação

ATENÇÃO PARA ESSE AVISO

Olá meus caros internautas que acompanham esse nosso blog.
MUSIBOL faz parte do Sistema Jolusi de Comunicação juntamente com o blog da Jolusi FM e do Esporte Comunitário e agora os três estão unidos em um só endereço eletrônico.

Grato a todos pela compreensão!

É só clicar no link abaixo para ler as notícias atuais:

https://sjc1954.wordpress.com/

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Paraibano encontrou o sucesso em Pernambuco



Fonte: Sistema Jolusi de Comunicação
Informações: Wikipédia
Texto, edição e arte: Jorge Luiz da Silva
Imagens: Garimpadas na internet e do arquivo.
Serrinha, BA (da redação Itinerante)

Genival Lacerda - Paraibano de Campina Grande, nascido em 05 de abril de 1931, aparentemente para cumprir seu destino foi morar em Pernambuco na década de 50. Cinco anos depois conseguiu gravar seu primeiro disco de 78 rotações, tendo obtido relativo sucesso com a faixa "Coco de 56".
Em 1964, foi para o Rio de Janeiro, incentivado pelo concunhado Jackson do Pandeiro, onde trabalhou em casas de forró e conquistou a oportunidade para gravar mais um LP.

No entanto, o sucesso só pintou realmente em 1975, quando emplacou a música "Severina Xique-Xique", se tornando conhecido nacionalmente, passando a fazer humor e dançar de forma peculiar enquanto soltava a sua voz nos inúmeros palcos das cidades brasileiras.
A frase "ele tá de olho é na butique dela" da música Severina Xique-Xique caiu na boca do povo tornando-se campeã de popularidade. Essa composição de sua autoria em parceira com João Gonçalves fez com que o seu LP vendesse cerca de 800 mil cópias.

Severina Xique-Xique
Música de: Genival Lacerda e João Gonçalves

Quem não conhece Severina Xique Xique
Que botou uma boutique para a vida melhorar
Pedro Caroço, filho de Zé Fagamela
Passa o dia na esquina fazendo aceno pra ela


Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!

Ele tá de olho é na boutique dela!


Antigamente Severina
Coitadinha, era muito pobrezinha
Ninguém quis lhe namorar
Mas hoje em dia só porque tem uma boutique
pensando em lhe dar trambique
Pedro quer lhe paquerar

Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!

A Severina não dá confiança a Pedro
Eu acho que ela tem medo de perder o que arranjou
Pedro Caroço é insistente, não desiste
Na vontade ele persiste, finge que se apaixonou


Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!

Severina, minha filha não vai na onda de Pedro
Olha! Ele só tem interesse em você, sabe por quê?
Porque você tem uma boutique, minha filha!
Agora você querendo um sócio, olha aqui seu Babá

Hahahahai... Passa lá Severina! Lá ta tão bonzinho agora!
Oh meu Deus, tchau!

Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!
Ele tá de olho é na boutique dela!

Oh, Severina, como é? Resolve, minha filha!
Se quiser, psiu, passa lá! Hahai
Ai Jesus, olha se tu não vier já tem uma loira!

Dona Graça ta lá! hiheiiehee ai, tchau!

SEVERINA XIQUE-XIQUE
Clique no link abaixo para ouvir o seu primeiro sucesso nacional

https://www.youtube.com/watch?v=4Dpkd47rs8Q

Confira as 12 músicas que integram o LP Aqui Tem Catimberê
gravado em 1975, pelo selo Copacabana por Genival Lacerda

01. Severina Xique Xique (João Gonçalves / Genival Lacerda)
02. A filha de Mané Bento (João Gonçalves / Genival Lacerda)
03. Deixem ela sofrer (Joca de Castro / Genival Lacerda)
04. Bahia do Catimberê (Haroldo Francisco / Orlando Deco)
05. Benzinho (Brito Lucena)
06. Ela é do contra (Durval Vieira)
07. Para papagaio (Antônio Barros)
08. Meu barco afundou (Luis Boquinha)
09. Leão de gafieira (Severino Ramos)
10. Vamos brincar de roda (João Gonçalves / Genival Lacerda)
11. Morena faceira (Brito Lucena)
12. Tenente Bezerra (Gordurinha)





CÔCO DE 56
Conheça o primeiro sucesso regional de Genival Lacerda clicando no link abaixo

Confira as músicas gravadas no seu primeiro LP
Genival Lacerda – Tomaram meu amor
Relançado em 1973 pela gravadora Rosemblit


01- Salve Cosme e Damião (Manoel Avelino – Genival Lacerda)
02- O delegado deu ordem (Rosil Cavalcanti – Genival Lacerda)
03-Noé, Noé (Rosil Cavalcanti)
04- Balanço do côco (Antonio Barros)
05- Rojão nacional (Rui de Moraes e Silva)
06- Côco de 56 (João Cobra Preta)
07 Adeus meu bem (Genival Lacerda – Carlos Nascimento)
08- Mariá (Antonio Clemente – Genival Lacerda)
09- Tomaram meu amor (Genival Lacerda – Antonio Clemente)
10- Mariá de Belém (Genival Lacerda – Brás do Pandeiro)
11- Côco da Cajarana (Genival Lacerda – Jacinto Silva)
12- Forró de Zé Lagoa (Rosil Cavalcanti)








segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Minhas quatro músicas inéditas 2018



Fonte: Sistema Jolusi de Comunicação
Foto: Reprodução
Texto, edição e arte: Jorge Luiz da Silva
Serrinha, BA (da redação Itinerante)



O CD Agradecendo a Deus foi gravado, mas ainda não foi lançado oficialmente.

Enquanto isso não acontece você amigo internauta vai conhecendo as minhas quatro músicas inéditas que integram o meu novo trabalho musical.

 E você poderá ouvi-las nas principais plataformas digitais, além de blog e sites importantes.



As quatro inéditas:

1-    Agradecendo a Deus (pop)
2-    Fato Casual (samba)
3-    Seguindo Meu Destino (baião)
4-    Menina Afoita (frevo).

 


segunda-feira, 27 de agosto de 2018

A biografia resumida de Flávio José

Fonte: www.flaviojose.com.br (Wikipedia)
Edição e arte: Jorge Luiz da Silva
Imagens: Reprodução. Arquivo e Garimpadas na internet




O Sistema Jolusi de Comunicação tem orgulho de destacar os grandes sucessos de sempre, através das suas emissoras de rádio web, seus blogs e consequentemente pelas redes sociais.

O destaque especial nesse momento chama-se Flávio José.

Compositor, cantor e acordeonista paraibano, nascido em Monteiro, batizado com o nome de Flávio José Marcelino Remígio.

Seus principais sucessos são " Tareco e Mariola (composição de: Petrúcio Amorim)" "Caboclo Sonhador" e "Caia por Cima de Mim", de autoria de Maciel Melo.

Começou a cantar e tocar ainda na infância, influenciado por grandes nomes da música nordestina como Dominguinhos e Luiz Gonzaga. Ao longo de sua carreira profissional, iniciada nos anos 70, gravou diversos lps e cds, firmando-se como um dos grandes nomes do forró nordestino.
                                
" descendente de uma família de músicos, na sua pequena Monteiro/PB, já aos 7 anos, este precoce artista fazia a sua iniciação no universo mágico das teclas.

Aos 10 anos já tocava o seu pequeno fole de 24 baixos, animando as festinhas do lugar. Essas pequenas incursões festivas, foram o início da forja de um dos maiores ícones do nordeste.

Flávio José é um predestinado cantador do amor e contador das cousas e dos causos do seu universo. Um documentarista melodioso do seu tempo. Um caboclo sonhador que não se considera nem profeta nem tampouco visionário, mas um anunciador previsível quando reforça que o diário desse mundo tá na cara, só não enxerga quem fecha os olhos para não ver.

Bom produtor tal e qual o bom jogador que conhece o jogo pela regra, Flávio José busca direcionar a sua produção confiante na sua sensibilidade artística e afinado unicamente com a cultura do seu povo, totalmente indiferente aos estratagemas ditados pelas indústrias de massa media.

A obra de Flávio José contrapõe-se abertamente ao jogo dessas indústrias culturais que fundamentadas em valores mercadológicos questionáveis, replicam em suas linhas de montagem um arremedo de forró, desfigurado, irreconhecível, totalmente distorcido, subjugado na essência por uma total inversão de valores. 

Hoje, após 8 LPs, 17 CDs, milhares de shows e eventos, Flávio José possui uma carreira consolidada. Reverenciado como o rei do xote, permanece fiel ao estilo que abraçou, até os dias atuais. Essa fidelidade é retribuída pelo enorme carinho que lhe é devotado pelos inúmeros fãs.

Para atendê-los, o artista promove em média 100 shows por ano."

O intérprete.

Flávio josé é um dos artistas mais autênticos da sua geração. Isso é fruto de sensibilidade, fidelidade, coerência e consistência artística representada pelo conjunto da sua obra. Um verdadeiro artesão do forró, matéria-prima da melhor tradição musical nordestina, forrozeiro com estilo personalíssimo de interpretar, consegue manter-se autêntico, atemporal e original, produzindo um forró diferenciado, ao mesmo tempo, chique e popular.

Intérprete por excelência da boa música romântica do nordeste, flávio josé sempre valorizou seus parceiros, gravando com seus arranjos simples e diretos, sempre os melhores compositores da região.

Sua estética vocal, não é uma técnica ou atitude estudada, é uma consequência natural do sentimento patente. Flávio José canta com a alma.

Seu canto brilha, pois suas raízes poéticas, musicais e etnológicas, são as mesmas do seu povo.

Essa característica rendeu-lhe uma homenagem singela do cantor e amigo nando cordel que costuma dizer que ele tem uma lágrima na garganta.

Voz afinada e possante, afiada e límpida, o tenor das caatingas tem tessitura e extensão de voz, incomuns.

Dotes que lhe permitem cantar sem o menor esforço, percorrendo de maneira confortável as melodias, com a mesma naturalidade com que manipula as notas do acordeom.

Sucesso junto à elite tanto quanto nas camadas mais populares, alquimista cultural, musicalmente regional, sem ser sonoramente folclórico, Flávio José, há tempos, desfruta de enorme prestígio no cenário do forró brasileiro.

Apesar do perfil, que cultiva, trafega com desenvoltura e humildade entre o top e o pop do forró clássico nordestino. Assim flávio josé tornou-se um dos mais importantes elos da corrente musical que une os ídolos do presente, aos ícones de sempre.



FLÁVIO JOSÉ

FILHO DO DONO (COMPOSIÇÃO DE: PETRÚCIO AMORIM)
TARECO E MARIOLA (COMPOSIÇÃO DE: PETRÚCIO AMORIM)
ESPUMAS AO VENTO (COMPOSIÇÃO DE: ACCIOLY NETO)
LEMBRANÇA DE UM BEIJO - SEGURA O CHORORÔ (COMPOSIÇÃO DE: ACCIOLY NETO)


FLÁVIO JOSÉ

* 01. Lembranças (Flavio José)
* 02. Só confio em tu (Flavio José)
* 03. Menina mansa (Flavio José)
* 04. Côco do teatá (Flavio José)
* 05. A procura de um amor (Flavio José)
* 06. Meu siriá (Ramos – Wilson Mor)
* 07. São João lá na Bahia (Flavio José)
* 08. A cachoeira (Paulo Romero)
* 09. Pedido a São João (Flavio José)
* 10. Seca nordestina (Flavio José)
* 11. Devolva (Flavio José)
* 12. São João no municipal (Flavio José)

Flávio José – Recado
Polydisc

01 Quando olho pra você (Flávio José – L. Betânia)
02 Raiz do coração (Cecéu)
03 Sanfoneiro bom (Carlinhos Coló – L. Betânia)
04 Recado (Walter Amaral – L. Betânia)
05 Flavinho no forró (Arlindo dos 8 baixos)
06 Não me deixe (Walter Amaral – L. Betânia)
07 Não podia ser melhor (Jotinha de Monteiro)
08 Cadê você (Walmar)
09 Sem vergonheira (Antonio Carlos – Jocafi)
10 Pout pourri


Discografia
1977 - Só Confio em Tu (Vinil) Flávio José
1978 - Forró Quentura (Vinil)
1990 - Recado (Vinil)
1991 - Cheiro de Forró (Vinil)
1992 - Caboclo Sonhador
1993 - Terra Prometida
1994 - Nordestino Lutador
1995 - Tareco e Mariola
1996 - O Melhor de Flávio José
1996 - Filho do Dono
1997 - Sem Ferrolho e Sem Tramela
1998 - A Poeira e a Estrada
1999 - Sempre ao vivo
1999 - Pra Todo Mundo
2000 - Seu Olhar Não Mente
2001 - Me Diz Amor
2002 - Palavras ao Vento
2003 - Cidadão Comum
2003 - Acústico
2004 - Pra Amar e Ser Feliz
2005 - O Poeta Cantador
2006 - Tá Bom que Tá Danado
2007 - Brasil Popular (Luiz Gonzaga & Flávio José)
2008 - Dom Cristalino
2011 - Tá do jeito que eu queria
2013 - Canta Luiz Gonzaga
2014 - Turnê ao Vivo 2013
2015 - Toque o Pé






JOLUSI FM

JOLUSI FM
A rádio web que toca os sucessos de sempre.

JOLUSI FM

MAPA DE ACESSOS

MAPA ON LINE

On Line 1

TYNT

Total de Visitas

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS
DE SERRINHA PARA O MUNDO

SJC


contador de site